Apartação de Curral

Diversão garantida

  • Flávia Zago
  • 16/10/2017
  • 12h57

É cada vez maior o número de adeptos das provas esportivas com a raça. Para falar a respeito deste assunto, a terceira Semana Temática de outubro contará com a colaboração do gerente de Departamento de Esportes da ABCCMM, Julio Nottingham.  

Julio abordará textos explicativos a respeito de cada modalidade. A Semana estreia com a Apartação de Curral. Confira abaixo.

  

Foto: Fernando Ulhoa


Não é novidade que o Mangalarga Marchador tem suas origens intimamente ligadas ao trabalho na fazenda e, portanto, a Apartação de Gado faz parte dessa história. Além de selecionar animais com alto padrão de andamento a raça também evoluiu em rusticidade, docilidade e aptidão para lida com gado, características naturais de um cavalo forjado nos campos. A apartação é uma atividade largamente praticada nas fazendas e quando os currais se transformam em uma arena de competições a diversão está garantida.

A partir de um número sorteado dois cavaleiros com seus cavalos vão separar 10 bois, um por um, de forma crescente e sequenciada, transferindo de um curral para o outro e vence a dupla que fizer isso no menor tempo. Os currais são redondos, de forma a facilitar o trabalho de separação e entre eles há uma passagem com largura mínima de 3,5m. Caso algum boi passe de um curral para o outro fora da sequência, a dupla é eliminada.
Não diferente de outras atividades equestres em que a boa equitação é item básico, na Apartação de Curral os cavalos devem ser treinados de forma a terem boa flexibilidade lateral e frontal, saber galopar de forma cadenciada e equilibrada, fazer bons esbarros, giros e mudanças de direção rápidas e repentinas, assim como ter membros posteriores potentes que proporcionem movimentos rápidos e precisos. É desejável que o cavalo para provas de Apartação tenha o típico “senso do boi”, ou seja, aquele animal que se liga naturalmente nos movimentos do boi e assim facilitando muito o trabalho de apartação. Quando se pode unir essa característica com um treinamento de boa qualidade, os resultados são garantidos.
A Apartação de Curral já é uma realidade na raça. Nas duas últimas Exposições Nacionais do Mangalarga Marchador centenas de competidores participaram da prova, em que crianças, jovens e famílias inteiras disputaram juntos uma das modalidades mais divertidas e apaixonantes que a raça tem hoje em dia.
O treinamento do cavalo de apartação não se resume simplesmente ao trabalho diretamente com o boi. Uma boa base de rédeas é fundamental. Também nesse processo, de forma crescente, o animal deve ser ensinado primeiro a “trilhar o boi” ou seja, aprender a acompanhar o boi de forma natural, aumentando e diminuindo seu ritmo conforme o do boi, para depois começar a apartar. Na Apartação é fundamental que o cavalo saiba trabalhar bem apoiado nos membros posteriores, de forma a ter uma frente leve, que gire de maneira precisa e rápida, movimento esse básico em um cavalo de apartação.

        

Julio Nottingham – (85)  99718-9991

julionbl@gmail.com